Particular/negativa

Enviado por Programa Chuletas y clasificado en Filosofía y ética

Escrito el en español con un tamaño de 2,56 KB

 
actos de pensar:
O conceito-O termo
O juizo-A proposição (valor lógico - verdade/falsidade)
O raciocinio-O Argumento (valor lógico - validade/invalidade)
Raciocinio- é o acto mental de relacionar juizos ou proposições dadas, de modo a chegar a um novo juizo ou proposição (conclusão)
Argumento- é a expressão verbal do raciocinio. É o conjunto da conclusão com as permissas, a conclusão é a proposição que se pretende justificar, as permissas são as proposições que devem apoiar a conclusão
verdade- a verdade relaciona-se com o conteudo do pensamento e implica a referncia á realidade, procura saber se há adquação entre o que pensamos e dizemos sobre o mundo (tudo, objectos etc)
Argumentos válidos - Conclusão deriva das permissas. -Impossivel que as permissas sejam verdadeiras e a conclusão falsa. Nem todos os argumentos são sólidos. Argumentos válidos com permissas verdadeiras são argumentos sólidos, com pelo menos uma permissa falsa são não sólidos.
Argumentos invalidos - A conclusão não deriva necessariamente das permissas. - É possivel que a conclusão seja falsa,mesmo que as permissas sejam verdadeiras.Nenhum argm. invalid é solid
Proposição- frase declarativa pod ser verda. ou fals. Exprime proposição quand: - frase declarativa e tem valor de verdade.
Tipo: A, I, E, O /Quantificador- Todos/Alguns/Nenhuns/Alguns
Sujeito: homens/insectos/homem/futebolistas Cópula: são/são/é/não são Predicado: mortais/nocivos/quadrupede/simpático 1. Universal/afirmativa 2. Particular/Afirmativa 3. Universal/Negativa 4. Particular/Negativa


Entradas relacionadas: