Romantismo, realismo e naturalismo

Enviado por Programa Chuletas y clasificado en Otras materias

Escrito el en gallego con un tamaño de 5,77 KB

 
Socialismo, cientificismo, evolucionismo, positivismo, lutas antiburguesas, 2ª Rev. Industrial; Em 1881, com a publicação de “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis, inicia-se o Realismo no Brasil. No Brasil: abolição, República, romance naturalista, poesia parnasiana. Características do Realismo ; Objetivismo; Descrições e adjetivações objetivas;Linguagem culta e direta;Mulher não idealizada; real. Ex.: Marcela e Virgília (Memórias Póstumas de Brás Cubas), Sofia (Quincas Borba)...Amor e outros interesses subordinados aos interesses sociais;Herói problemático;Narrativa lenta, tempo psicológico;Personagens trabalhados psicologicamente.
Machado de Assis com “Memórias Póstumas de Brás Cubas” (1881); “Quincas Borba”, “Dom Casmurro”, “Esaú e Jacó” e “Memorial de Aires”.
MACHADO DE ASSIS E O ROMANCE REALISTA
1ª FASE (Tendências românticas) Obras: Ressurreição, A mão e a luva, Helena, Iaiá Garcia Características Gerais: crença nos valores da época; estrutura de folhetim; esquematismo psicológico.
2ª FASE (Tendências realistas): Obras: Memórias Póstumas de Brás Cubas, Quincas Borba, Dom Casmurro, Esaú e Jacó e Memorial de Aires.Características Gerais:Análise psicológica . Análise dos valores sociais . Pessimismo ;
Ironia ; Refinamento da linguagem narrativa.
ROMANTISMO (1836-1881)>Ênfase na fantasia; Predomínio da emoção; Proximidade emocional entre autor e os temas; Subjetividade; Escapismo (literatura como fuga da realidade); Personagens idealizados; Nacionalismo;
REALISMO (1881-1893)>>Ênfase na realidade; Predomínio da razão; Distanciamento racional entre o autor e os temas; Objetividade; Engajamento (literatura como forma de transformar a realidade) Retrato fiel das personagens; A mulher numa visão real, sem idealizações... Universalismo.
Naturalismo (características) >>Determinismo biológico; Objetivismo científico; Temas de patologia social; Observação e análise da realidade; /// Ser humano descrito sob a ótica do animalesco e do sensual; Linguagem simples; Descrição e narrativa lentas; Impessoalidade; Preocupação com detalhes.
Aluísio Azevedo, “O mulato”, em 1881: início do Naturalismo no Brasil; “O Cortiço”, ::: Raul Pompéia, “O Ateneu”.
REALISMO>>Forte influência da literatura de Gustave Flaubert (França). Romance documental, apoiado na observação e na análise. A investigação da sociedade e dos caracteres individuais é feita “de dentro para fora”, por meio de análise psicológica capaz de abranger sua complexidade, utilizando a ironia, que sugere e aponta, em vez de afirmar. Volta-se para a psicologia, centrando-se mais no indivíduo. As obras retratam e criticam as classes dominantes, a alta burguesia urbana e, normalmente, os personagens pertencem a esta classe social. O tratamento imparcial e objetivo dos temas garante ao leitor um espaço de interpretação, de elaboração de suas próprias conclusões a respeito das obras.
Naturalismo>>Forte influência da literatura de Émile Zola (França). Romance experimental, apoiado na experimentação e observação científica. A investigação da sociedade e dos caracteres individuais ocorre “de fora para dentro”, os personagens tendem a se simplificar, pois são vistos como joguetes, pacientes dos fatores biológicos, históricos e sociais que determinam suas ações, pensamentos e sentimento. Volta-se para a biologia e a patologia, centrando-se mais no social. As obras retratam as camadas inferiores, o proletariado, os marginalizados e, normalmente, os personagens são oriundos dessas classes sociais mais baixas. o tratamento dos temas com base em uma visão determinista conduz e direciona as conclusões do leitor e empobrece literariamente os textos.

ALUÍ SIO AZEVEDO(1857-MA,1913-BUENOS AIRES) >> Principais características: Expressão de destaque no naturalismo brasileiro; Sua linguagem literária era chocante, objetiva e direta. Procurava denunciar pela palavra a miséria, a corrupção moral. Muitos de seus personagens são doentes físicos, mentais, vítimas de suas próprias imperfeições. Demonstrava nítida preocupação com as classes marginalizadas pela sociedade. obras:O Mulato; Casa de Pensão; O Cortiço (obra máxima do Naturalismo brasileiro).>> Revelação da miséria urbana; Enfoque nas classes marginais; Determinismo do meio (tese dominante); Domínio do coletivo sobre o individual; Desagregação dos instintos; Principais personagens: João Romão, Bertoleza, Miranda, Jerônimo, Rita Baiana e Pombinha.
RAUL POMPÉ IA(1863 - 1895)>> Nasceu em Angra dos Reis e suicidou-se no Rio de Janeiro, na noite de Natal. Sua obra “O Ateneu” apresenta inspiração na adolescência do autor (estudou num colégio interno, o Colégio Abílio) Sua técnica se prende ao Impressionismo em que o artista enfatiza a impressão que a realidade despertou nele.
PARNASIANISMO NO BRASIL >> Literatura descompromissada das elites; Absoluto domínio em termos de prestígio; Formação da tríade parnasiana; Uma das causas da Semana de Arte Moderna
TEMAS: A mitologia e a história greco-romana; A natureza; O amor sensual; A pátria
OLAVO BILAC (Principal poeta)OBRAS: Poesias; Tarde. POEMAS:In extremis; O caçador de esmeraldas; Via-láctea; Profissão de fé; Sarças de fogo